Invicto, Sport conquista Pernambucano por antecipação

O Sport sagrou-se tetracampeão consecutivo do Campeonato Pernambucano neste domingo de forma antecipada. Invicta, a equipe do técnico Nelsinho Baptista só precisou de um empate por 0 a 0 no clássico contra o Náutico, segundo colocado da competição, para garantir a conquista.

MONICA BERNARDES, Agencia Estado

19 de abril de 2009 | 18h37

A trajetória do Sport no Estadual contou com 29 pontos ganhos ao longo de 11 jogos. Foram nove vitórias e dois empates, com 27 gols marcados e oito sofridos, obtendo um aproveitamento de 87%. Ao longo da história do clube é a quarta vez que o Sport ganha, invicto, a competição. O mesmo resultado foi obtido em 1917, 1941 e 1998.

O valor do triunfo no clássico deste domingo teve um significado bem além da taça. Representou a possibilidade de o Sport conseguir uma folga no calendário de jogos. Colocar um ponto final no Campeonato Pernambucano garantiu três datas livres, justamente no momento mais decisivo do ano, quando o Sport disputa uma das duas vagas do seu grupo nas oitavas-de-final da Copa Libertadores.

O jogo foi marcado pelo equilíbrio de erros e acertos de ambas as equipes até o final. Disposto a brigar até o último minuto pela possibilidade de garantir um jogo extra que adiaria a decisão do turno, o Náutico não poupou esforços e por pelo menos três vezes quase chegou ao gol. Uma das principais jogadas aconteceu aos 33 minutos do segundo tempo, quando Carlinhos Bala cruzou e por pouco a bola entrou no gol de Magrão.

Já nos acréscimos, aos 46, o goleiro Gilmar - numa tradução do desespero que tomou conta do Náutico - deixou a grande área descoberta e correu para o campo adversário para tentar ajudar numa jogada de ataque.

Já o Sport, ciente da vantagem e cuidadoso por estar na casa do Náutico, evitou abusar da criatividade e apostou na marcação. Em umas das principais chances de gol, aos 22 minutos do segundo tempo. Ciro, frente à frente com Gilmar mandou uma bomba na trave do goleiro do Náutico.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato PernambucanoSport

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.