Divulgação/Vipcomm
Divulgação/Vipcomm

Ipatinga e Cruzeiro empatam em semifinal do Mineiro

Em jogo equilibrado, equipes ficam no 0 a 0 e agora time de Adilson Batista joga por outro resultado igual

Bruno Marques, O Estado de S. Paulo

11 de abril de 2010 | 18h21

Em um jogo equilibrado, mas sem fortes emoções, o Cruzeiro empatou por 0 a 0 com o Ipatinga, na tarde deste domingo, no primeiro jogo das semifinais do Campeonato Mineiro. A equipe de Belo Horizonte precisa apenas de mais um empate na próxima semana para chegar à final do torneio. O time do técnico Adilson Batista tem a vantagem de se classificar com dois resultados iguais por ter feito a melhor campanha na primeira fase.

As duas equipes concentraram o jogo nas intermediárias e pouco fizeram para chegar até o gol na etapa inicial. E as melhores oportunidades do primeiro tempo foram do Ipatinga, que acertou a bola na trave em uma cobrança de falta, com Francismar.

O atacante Kléber, que pouco fez na primeira meia hora de jogo, foi substituído ainda no primeiro tempo, aos 31 minutos, sentindo dores musculares. Segundo o departamento médico do clube, ele sentiu uma fisgada na coxa esquerda e preferiu não arriscar permanecer em campo. O Cruzeiro viajará na próxima terça-feira para Santiago do Chile, onde enfrentará o Colo Colo, pela Libertadores.

Depois do intervalo, o Cruzeiro deixou a apatia de lado e voltou com uma postura mais ofensiva, mas mesmo assim continuou com dificuldades para criar chances efetivas de gol. As jogadas de perigo do atual campeão mineiro pararam nas mãos do goleiro Douglas, que demonstrou segurança durante todo o jogo e garantiu o empate.

O segundo jogo da semifinal acontecerá no próximo domingo, em Belo Horizonte, no Mineirão, às 16 horas. O vencedor do confronto entre Cruzeiro e Ipatinga enfrentará Atlético ou Democrata de Governador Valadares, que fazem a outra semifinal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.