Irresistível, Chelsea faz 4 a 1 no Liverpool

O Campeonato Inglês ainda está longe de sua metade, mas já virou um passeio para o Chelsea. Com a goleada deste domingo sobre o Liverpool por 4 a 1 fora de casa o time dirigido por José Mourinho chegou a 24 pontos em oito rodadas, com 18 gols a favor e apenas dois contra. Em segundo lugar está o modesto Charlton, que jogou sete vezes e conseguiu 15 pontos. O Manchester United tem 14 em sete jogos e o Arsenal somou 13 em sete.Foi o segundo encontro seguido entre Liverpool e Chelsea. No meio da semana passada, também em Liverpool, houve empate sem gols pela Copa dos Campeões. Como na semifinal do torneio europeu na temporada passada o Liverpool havia levado a melhor, o técnico Rafa Benitez aproveitou para tirar uma casquinha: ?O Chelsea treme quando tem que enfrentar o Liverpool.? Pelo que se viu neste domingo, perdeu uma boa chance de ficar quieto...?Não somos perfeitos nem acho que temos o melhor time do mundo, mas somos muito bons e acho que merecemos um pouco mais de respeito?, respondeu Mourinho. ?Falaram muito coisa antes do jogo. Nós respondemos dentro de campo, fazendo uma partida brilhante?, disse o meia Lampard.A provocação de Benitez serviu de motivação para os jogadores do Chelsea. Logo aos 25 minutos de jogo, o atacante Didier Drogba invadiu a área e foi derrubado por Traore. O juiz marcou pênalti, que Lampard converteu um minuto depois. Na comemoração, mandou a torcida do Liverpool ficar quieta, colocando o dedo na frente da boca.Mas o time da casa foi para cima e numa jogada de bola parada a equipe empatou o jogo. Aos 35 minutos, o norueguês Riise bateu escanteio, o zagueiro Carragher apenas desviou de cabeça e Gerrard encheu o pé para igualar o marcador.Só que aos 42 o Chelsea mostrou que não se abateu com o gol do grande rival. Drogba deu um drible da vaca no seu marcador e cruzou na medida para o irlandês Damien Duff marcar.Na segunda etapa, os ânimos continuaram um pouco exaltados, mas as jogadas de perigo diminuíram. O Liverpool tentou o empate, mas não mostrou muita eficiência. E aos 17 veio a ducha de água fria em qualquer reação. Drogba, em outro belo lance individual, passou para Joe Cole marcar, sem goleiro.E aos 36, novamente Drogba, em jogada pela esquerda, cruzou para a área. O holandês Robben tentou chutar, errou, mas a bola sobrou para o camaronês Geremi, que fechou a goleada. O estádio ficou em silêncio e, enfim, a vingança foi cumprida na própria casa do rival.OUTROS JOGOS - Já o Arsenal suou muito para vencer o Birmigham por 1 a 0, em casa. O gol só saiu aos 36 minutos do segundo tempo, com Van Persie. Com o resultado, o Arsenal subiu para a sétima posição, com 13 pontos. O Birmigham é o 15º, com seis. A rodada teve ainda os seguintes resultados: Manchester City 2 x 0 Everton, Wigan 2 x 1 Bolton, Aston Villa 2 x 3 Middlesbrough.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.