Irureta perdoa cabeçada de Djalminha

Um ano depois de dar uma cabeçada no técnico Javier Irureta, do La Coruña, Djalminha pediu desculpas ao treinador. O jogador brasileiro solicitou ao presidente do clube, Augusto Lendoiro, uma reunião com Irureta na concentração do time em Villalba para mostrar que havia se arrependido da agressão. O técnico concordou, e no encontro com o jogador aceitou os pedidos de desculpas. O gesto de Djalminha foi bem calculado. Ele queria permanecer pelo menos mais uma temporada no La Coruña, mas não tinha o aval de Javier Irureta. ?Foi uma bela iniciativa. Ele pode voltar a jogar no Deportivo (La Coruña). Agora depende do presidente?, disse o treinador. Lendoiro estava disposto a negociar o meia brasileiro. Recebeu proposta do Elche, da Segunda Divisão da Espanha, e abriu negociações. O problema é que o Elche não concordou em pagar US$ 2 milhões. Na temporada 2002/03, depois do desentendimento com Javier Irureta, foi emprestado ao Austria Viena. Voltou de lá nada com o título de campeão nacional.

Agencia Estado,

24 de julho de 2003 | 19h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.