Isolado, Hotel Kempinski espera a seleção em Königstein

Já está tudo pronto em Königstein para receber a seleção brasileira, que deve chegar à cidade por volta das 23 horas deste domingo (18 horas pelo horário de Brasília). O Hotel Kempinski, que irá hospedar exclusivamente a delegação do Brasil, foi esvaziado pelos outros hóspedes e devidamente isolado pela segurança. Agora, só entra ali o grupo que vai buscar o hexa na Copa da Alemanha.Decorado com duas bandeiras brasileiras em sua entrada, o luxuoso Hotel Kempinski teve seus arredores cercado por barreiras de segurança. A partir da noite deste domingo, todo mundo terá de se identificar ao passar pelas ruas da região.Nessa mesma região fica a academia SportPark, onde está o campo que será usado nos treinamentos da seleção brasileira - bem perto do Hotel Kempinski. Assim, o local também está isolado por barreiras de segurança. E o gramado foi cercado por telas que impedem o público de ver os treinos do time de Parreira.Mesmo porque, nesse período, a seleção pretende fazer treinos fechados ao público. Depois do clima de festa que foi a preparação em Weggis, na Suíça, a ordem é concentração total na reta final para a estréia na Copa do Mundo, dia 13 de junho, contra a Croácia, em Berlim.Por determinação da Fifa, deve ter apenas um treino aberto ao público nesse período antes da estréia na Copa. Será na próxima quinta-feira, no estádio de Offenbach, cidade que fica a 22 quilômetros de Königstein.Um dos responsáveis pela organização da estadia brasileira em Königstein, o alemão Jörg Pöschl estava tranqüilo neste domingo. ?Já está tudo preparado?, garantiu ele, antes de fazer uma brincadeira. ?É a tradicional organização alemã.?ProgramaçãoDepois de enfrentar a Nova Zelândia neste domingo, a partir das 13 horas (horário de Brasília), em Genebra (Suíça), a seleção segue direto para o aeroporto. De lá, embarca às 21h15 (horário local) para Frankfurt. A viagem deve durar cerca de 1 hora, levando o Brasil para a terra da Copa.Do aeroporto de Frankfurt, a delegação segue para o Hotel Kempinski, em Königstein - são cerca de 20 quilômetros de distância. Depois, haverá o jantar dos jogadores.O Brasil está no Grupo F da Copa do Mundo, ao lado de Croácia, Austrália e Japão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.