Itália comemora ?volta? de Ronaldo

Ronaldo viveu nesta segunda-feira um dia seguinte como nos bons tempos. O gol que fez no domingo, após jejum de quase 25 meses, e sua boa atuação contra o Brescia, renderam manchetes nos principais jornais italianos, além de depoimentos entusiasmados, como o do presidente da Inter de Milão, Massimo Moratti.O atacante, realizado o sonho, pensa, agora, no futuro. "Não tenho mais problemas físicos e isso é mais importante do que o gol?, disse Ronaldo em sua página na Internet. "Sei que nem todas as partidas que irei enfrentar daqui para a frente serão uma festa como foi a de Brescia.?Nesta segunda-feira, os italianos ainda festejavam a "volta do fenômeno?. Os jornais dedicaram amplo espaço ao brasileiro. "Aleluia, Ronaldo?, foi a manchete do La Gazzetta dello Sport. O Corriere dello Sport destacou: "Festa de Ronaldo, depois de dois anos?. "Esse gol de Ronaldo faz a todos felizes?, escreveu o Corriere della Sera. "Bem-vindo Ronaldo?, saudou o La Stampa. O La Reppublica, cuja manchete foi "Ronaldo, o gol do retorno?, considera que "o gol (contra o Brescia) é uma síntese do seu repertório?.O presidente da Inter, Massimo Moratti, deixou de lado seu habitual comedimento. "Parecia o Ronaldo dos velhos tempos. Voltou a sensação de jogador indispensável de suas primeiras partidas pela Inter. É o maior do mundo. Nunca duvidei ou tive medo de que Ronaldo não pudesse voltar?, afirmou. Depois, fez um alerta: "Não devemos esperar que ele já passe a jogar os 90 minutos?.O vice-presidente do clube, Peppino Prisco, que nesta segunda-feira completou 80 anos, declarou: "Ronaldo me deu um dos presentes mais lindos, pois com seu gol me senti novamente como um menino?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.