Itália empata com Suíça e torcida supersticiosa acredita

A seleção da Itália só empatou por 1 a 1 contra a Suíça nesta quarta-feira à noite em Genebra, na Suíça, em mais um amistoso preparatório para a Copa do Mundo. Um resultado teoricamente ruim para a imprensa do país, que espera pelo título de campeã no torneio, já que os suíços não são considerados uma potência do mesmo nível. Mas quem disse que este resultado foi ruim para seus fanáticos torcedores? Supersticiosos, os italianos exibiam no estádio a seguinte faixa: "Como em 1982, empatar para conquistar". Era uma remissão ao ano de 1982, quando a Itália também jogou em sua preparação contra a mesma Suíça, também em Genebra, e o resultado foi o mesmo. Naquele Mundial, os italianos conquistaram seu terceiro título. A única diferença é que dessa vez é o penúltimo amistoso na preparação - o próximo é sexta, em Lausanne, contra a Ucrânia. Os torcedores italianos ocuparam cerca de um 1/4 do estádio, ficando atrás do gol e fazendo bastante barulho, garantindo vantagem sobre os torcedores locais, que estavam com vários lugares vazios. Italianos tiveram dificuldades com elenco A partida teve grandes emoções no primeiro tempo, quando saíram os dois gols. O primeiro foi do atacante italiano Gilardino, aos 10 minutos, enquanto Gygax empatou aos 32 minutos da mesma etapa. Já a situação inusitada para os italianos ocorreu aos 14 minutos do segundo tempo, quando o técnico Marcelo Lippi, cheio de desfalques, precisou colocar Bonera em campo (camisa 25), quebrando galho na lateral-esquerda. Ele nem vai à Copa - é um dos cinco jogadores da lista de espera. Estavam fora da partida os defensores Grosso, machucado no tornozelo esquerdo; Nesta, poupado por dores musculares; e Zambrotta, com estiramento na coxa esquerda e que ainda tem de 15 a 20 dias de tratamento, sendo que só deve estar à disposição para o segundo ou terceiro jogo na Copa.

Agencia Estado,

31 Maio 2006 | 17h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.