Itália endurece combate ao doping

O Comitê Olímpico Italiano passará a suspender imediatamente jogadores de futebol que sejam pegos no exame anti-doping, sem esperar o resultado da contra-prova. A medida será aplicada a partir da próxima temporada.O Comitê se reuniu essa semana com representantes dos clubes e da medicina desportiva. A decisão foi um reflexo do fato de 8 jogadores das séries A e B do campeonato italiano terem dado positivo para o uso de substâncias anabolizantes. Os casos mais recentes foram dos jogadores português Fernando Couto, da Lazio, e o holandês Edgard Davids, da Juventus, cujos exames apontaram a presença da substância nandrolona. Couto foi suspenso, e Davids ainda aguarda o resultado da contra-prova.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.