Itália faz jogo-treino no dia da abertura da Copa

A Itália faz nesta sexta-feira seu último treino para valer antes de estrear na Copa. Às 20 horas (15 horas, horário de Brasília), o time fará um jogo-treino contra os juniores do Duisburg no moderno estádio local. A entrada é gratuita e os 23 mil convites se esgotaram rapidamente. A partir das 18 horas, o telão mostrará a partida entre Alemanha e Costa Rica que abrirá a Copa. O técnico Marcello Lippi, como de hábito, não revelou qual será o time titular. E na quinta-feira os jornalistas só tiveram acesso aos 30 primeiros minutos do treino da manhã no CT do Duisburg - o período em que os jogadores fizeram aquecimento, duas rodas de ?bobinho? e um dois toques com titulares e reservas misturados. O trabalho da tarde foi fechado para a imprensa. A expectativa é ver se nesta sexta à noite o treinador dará uma dica da formação que pretende colocar em campo na segunda-feira, em Hannover, contra Gana. Nove jogadores estão garantidos na estréia: Buffon, Oddo, Cannavaro, Grosso, Camoranesi, Pirlo, De Rossi, Toni e Gilardino. Nesta é dúvida por causa da fadiga muscular na coxa direita que o tem impedido de ser tão exigido quanto os outros nos treinamentos. Se ele não puder jogar, o companheiro de Cannavaro na zaga será Materazzi. Mas a 11ª camisa tem três candidatos: Totti, Del Piero e Perrotta. Como foi titular nas melhores atuações da Itália sob o comando de Lippi - vitórias sobre Holanda e Alemanha em amistosos - e Totti ainda não atingiu sua melhor condição física depois de se recuperar da fratura na perna esquerda, que o deixou três meses e meio parados, Del Piero era o favorito. Mas seu rendimento ruim nas partidas da semana passada contra Suíça e Ucrânia comprovou que ele não vive um momento técnico dos melhores, o que pode custar-lhe a posição. Totti é o preferido do treinador e o xodó dos torcedores, mas há o receio de que possa ser atropelado pelo vigor físico dos ganeses se começar jogando. O mais provável é que seja guardado para o segundo tempo. Perrotta entrou no páreo por causa da má fase de Del Piero e anda bem cotado na bolsa de apostas dos jornalistas italianos. O fato de Lippi ter dito que escalará contra Gana quem estiver em ótimas condições pode ser um sinal de que o jogador da Roma tem chance de ser a surpresa da escalação. Ele faria a função de encostar nos dois atacantes, a mesma que costuma ser feita por Totti. Del Piero joga aberto pela esquerda. Lippi não quis falar do time desta sexta e muito menos do de segunda-feira. ?Por que tanta pressa? Ainda temos quatro dias até a estréia, é bastante tempo para pensar.? Como também é muito tempo o período sem títulos da Itália. Depois de ganhar a Copa de 82, a Azzurra passou em branco em todos os Mundiais e Eurocopas que disputou. E o retrospecto recente é muito ruim: eliminação nas oitavas-de-final da Copa de 2002 e na primeira fase do Europeu de 2004. É por isso que os torcedores e jornalistas italianos estão tão ansiosos em ver como começará a caminhada da equipe na Alemanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.