Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Itália lança campanha contra violência dos torcedores

Um dos pontos do projeto é o vídeo de 30 segundos que mistura belas jogadas nos gramados e cenas violentas

ANSA

11 de setembro de 2008 | 15h15

O ministro do Interior da Itália, Roberto Maroni, apresentou nesta quinta-feira, em Roma, a nova medida do governo italiano para conter a violência nos estádios de futebol: uma campanha publicitária com o slogan "Torcedores violentos, covardes no último estágio".  Veja também: Dirigente italiano cogita construção de celas em estádios Inglaterra denuncia crotas por racismo nas Eliminatórias Torcedores croatas e ingleses brigam em ZagrebDê seu palpite no Bolão Vip do Limão  A iniciativa, apresentada pelo ministro ao lado do presidente da Liga Italiana de Futebol, Antonio Matarrese, e do presidente da Federação Italiana de Futebol, Giancarlo Abete, prevê a veiculação na televisão, nos cinemas e na internet, além de camisetas com mensagens contra a violência. Maroni disse que é "uma campanha de sensibilização para promover os verdadeiros valores do esporte", que "se soma às medidas anti-violência adotadas" pelo governo. O primeiro vídeo da campanha, que será veiculado inicialmente na televisão estatal Rai e em seguida nas emissoras da rede Mediaset — de propriedade da família do primeiro-ministro Berlusconi — na internet, nos cinemas e nos telões dentro dos estádios, mostrará imagens de lances bonitos do futebol italiano intercalados com imagens da violência da torcida. "Continuaremos a combater a violência sem abaixar a guarda", garantiu o presidente da Liga Italiana de Futebol, Antonio Matarrese. Na próxima rodada do campeonato italiano, jogadores das Séries A e B entrarão em campo vestindo uma camisa com a mensagem "Stop para a violência" estampada. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.