Alberto Pizzoli/AFP
Alberto Pizzoli/AFP

Itália sofre, mas vence Malta e vira líder nas Eliminatórias da Euro

Graziano Pellè marcou o gol da vitória por 1 a 0 em Florença

Estadão Conteúdo

03 de setembro de 2015 | 18h05

Era para ser mais fácil, mas a Itália conseguiu o que queria e venceu a seleção de Malta por 1 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Artemio Franchi, em Florença, pela sétima rodada do Grupo H das Eliminatórias da Eurocopa de 2016, que será realizada na França. O time comandado pelo técnico Antonio Conte cansou de perder gols, mas fez um no segundo tempo - com Graziano Pellè, aos 24 minutos - e assumiu a liderança da chave a três jogos para o fim da competição.

Ajudada pelo empate sem gols da Croácia contra o Azerbaijão, fora de casa, a Itália agora lidera com 15 pontos. Os croatas têm 14, já tirando o ponto perdido pela punição imposta pela Uefa pelo desenho do símbolo nazista no duelo contra os italianos em junho passado. Para a Eurocopa passam direto os dois primeiros colocados de cada uma das nove chaves.

Além deles, o melhor terceiro colocado avança direto e os outros oito terceiros disputarão uma repescagem. Neste momento, a Noruega ocupa esta posição no Grupo H graças à vitória por 1 a 0 no confronto direto contra a Bulgária, nesta quinta-feira, em Sofia. Com os três pontos como visitante, os noruegueses chegaram a 13 e deixaram os búlgaros com 8, em quarto lugar. Azerbaijão (5 pontos) e Malta (1) já estão sem chances de classificação.

GRUPO B

Em confronto entre duas escolas em ascensão, a Bélgica venceu a Bósnia-Herzegovina por 3 a 1, em Bruxelas. Dzeko colocou os bósnios na frente, aos 15 minutos, mas Fellaini empatou aos 23. Jogador mais caro da janela de transferências, contratado pelo Manchester City a peso de ouro, De Bruyne virou ainda no primeiro tempo. De pênalti, Hazard marcou o terceiro.

A liderança do Grupo B, entretanto, segue com o País de Gales, que fez 1 a 0 no Chipre, fora de casa, com gol de Gareth Bale. Israel também venceu, ganhando de 4 a 0 de Andorra em casa. Assim, os galeses têm 17 pontos, contra 14 dos belgas e 12 dos israelenses. A Bósnia-Herzegovina, com oito, sonha só em jogar a repescagem.

No domingo, País de Gales recebe Israel e se classifica para a Eurocopa se vencer. A Bélgica visita o Chipre, enquanto que a Bósnia-Herzegovina recebe Andorra com a obrigação de ganhar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.