Ituano calcula: vaga com 11 pontos

Com quatro pontos e liderando o Grupo A da segunda fase da Série B ao lado do Brasiliense, o Ituano já faz as contas para a classificação para a próxima fase. E todos em Itu chegaram a um consenso: 11 pontos colocam o Galo no quadrangular final. "Acredito que mais duas vitórias e um empate são necessários para nos classificarmos com folga. Com dez pontos, dependendo de uma combinação de resultados, chegaremos lá, mas com 11 é garantido", afirmou o supervisor de futebol, Homero Santarelli.O técnico Leandro Campos concorda com a matemática, mas minimiza sua importância. "Não podemos ficar pensando em número x ou y. Temos que encarar todas as partidas daqui para frente como se fosse uma decisão, começando pela terça-feira, contra o Brasiliense", declarou o treinador, enfático.A comissão técnica vai antecipar o período de concentração, a partir de sábado. Para este jogo, em Itu, Leandro Campos deve contar com a presença do zagueiro André Leone, recuperado de uma luxação na clavícula esquerda, sofrida na partida contra o Fortaleza. O atacante Beto, que já não sente mais dores na panturrilha esquerda, fica como opção no banco.Fora - Diolei Cândido não é mais o técnico do time do Ituano que disputa a Copa FPF. O treinador fez um acordo com a diretoria e deixou o cargo alegando que não estava tendo espaço no clube. Marco Antônio Rojas, auxiliar de Leandro Campos, comanda o time até o final da competição. No momento, o Ituano é vice-líder do Grupo 10.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.