Ituano derrota o Rio Branco de virada por 2 a 1

O Rio Branco chegou ao seu terceiro jogo sem vitória no Campeonato Paulista. Neste sábado, o time de Americana saiu na frente, mas permitiu a virada e foi derrotado pelo Ituano por 2 a 1, no estádio Barão da Serra Negra, em Piracicaba, pela 11.ª rodada do Campeonato Paulista. O Décio Vitta, em Americana, continua interditado.

AE, Agencia Estado

27 de fevereiro de 2010 | 19h44

Com a derrota, o Rio Branco permanece com 10 pontos, muito próximo da zona de rebaixamento. O Ituano chega à segunda vitória seguida, já que antes havia batido o Sertãozinho, e chega aos 15 pontos, na briga pela disputa pelo Título do Interior.

O primeiro tempo teve o domínio do Rio Branco, que poderia ter ido para o intervalo com a vantagem de três ou mais gols. O único gol, porém, saiu aos 18 minutos. Romarinho cobrou falta para dentro da área e o jovem zagueiro Airton subiu mais que a defesa para tocar de cabeça e mandar a bola no canto esquerdo de Saulo.

Na etapa final, o técnico Ademir Fonseca recuou o Rio Branco e acabou sofrendo o empate. Aos 14 minutos, Welton, que entrou no intervalo na vaga de Cássio, recebeu pelo lado direito da área e chutou forte rasteiro. A bola passou entre o goleiro e a trave esquerda do gol, deixando tudo igual.

Aos 43 minutos, Juninho Paulista fez jogada individual e tocou para Welton, que dominou de esquerda e chutou forte de direita para fazer o gol da vitória do Ituano.

Pela 12.ª rodada, o Rio Branco volta a campo na próxima quarta-feira, às 19h30, quando encara o Prudente, no estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente. O Ituano joga no mesmo horário, mas na quinta, contra a Ponte Preta, no Novelli Jr., em Itu.

RIO BRANCO 1 x 2 ITUANO

Rio Branco - Cristiano; Marcos Tamandaré, Vinícius, Airton e César (Felipe); Márcio Carioca, Junior Maranhão, Everton e Romarinho (Francisco Alex); Luciano Emílio (Alex Terra) e Anselmo Ramon. Técnico: Ademir Fonseca.

Ituano - Saulo; Rodrigão, Jean Pablo e João Leonardo; Serginho (Alessandro), Cássio (Welton), Alemão, Juninho Paulista e Sandro; Marcel (Anderson Salles) e Lincom. Técnico: Mazola Júnior.

Gols - Airton, aos 18 minutos do primeiro tempo; Welton, aos 14 e aos 43 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - César e Vinicius (Rio Branco); Lincom, Juninho Paulista, João Leonardo, Alessandro e Saulo (Ituano).

Árbitro - Elcio Paschoal Borborema.

Renda - R$ 3.780,00.

Público - 217 pagantes.

Local - Estádio Barão de Serra Negra, em Piracicaba (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPaulistãoRio BrancoItuano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.