Ituano não muda para o segundo jogo

Depois de carimbar as faixas do Corinthians, o Ituano passa à segunda etapa de seu plano para chegar à final do Superpaulistão: segurar o campeão do Rio-São Paulo e da Copa do Brasil no segundo jogo. A Federação Paulista confirmou o encontro para o Estádio Martins Pereira, em São José dos Campos, quarta-feira, às 21 horas. Uma emissora de televisão poderá transmitir o jogo para todo o Brasil. Se ainda faltam alguns detalhes para este jogo decisivo, o mesmo não se pode dizer do campeão paulista. O técnico Ademir Fonseca já avisou que não pretende mudar o time. Mas a postura tática, com certeza, será diferente. A vitória por 2 a 0, em Itu, deu ao campeão paulista a vantagem de poder perder por até um gol de diferença em São José. "Temos que ser inteligentes para administrar esta vantagem, sabendo que teremos um grande time pela frente", completou Fonseca. Os jogadores se apresentaram, nesta segunda-feira à tarde, no Estádio Novelli Junior, para treinos leves. Na manhã de terça-feira haverá um treino técnico-tático e a delegação segue, logo após o almoço, para o Vale do Paraíba. O clima é de bastante confiança entre os jogadores. "Provamos que também temos condições de enfrentar grandes adversários. Mas sabemos que o segundo jogo será uma nova história e bem diferente", explicou Basílio. O empresário Oliveira Junior, que dirige o clube, garante que, no momento, nenhum jogador deixará o elenco. Mas admite que existam algumas propostas pelo zagueiro Vinícius e pelo lateral-esquerdo Lúcio. A prioridade é negociá-los com o futebol do exterior. "Não existe dinheiro no mercado nacional", justificou Oliveira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.