MIGUEL SCHINCARIOL/Divulgação
MIGUEL SCHINCARIOL/Divulgação

Ituano se reabilita com vitória em casa sobre o Bragantino

Atual campeão paulista consegue sua primeira vitória na atual edição do torneio em casa, no estádio Novelli Junior, por 1 a 0

Estadão Conteúdo

04 de fevereiro de 2015 | 19h01

Depois de apanhar do Santos por 3 a 0, o Ituano conseguiu a sua reabilitação ao vencer o Bragantino por 1 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Novelli Junior, em Itu (SP), pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O jogo foi equilibrado, mas o atual campeão estadual aproveitou a chance que teve para vencer e somar seus primeiros três pontos no Grupo A. O Bragantino, com três pontos conquistados na vitória sobre o São Bernardo é o segundo colocado do Grupo D.

O primeiro tempo foi morno, mesmo porque os dois times adotaram posturas cautelosas. Como o Ituano não tomou as iniciativas de mandante, o Bragantino ficou atrás na espera de uma chance de gol no contra-ataque. A rigor, nenhum time teve chance real para abrir o placar.

No intervalo, o técnico Tarcísio Pugliese deu uma bronca nos seus jogadores e o Ituano voltou "acordado" para o segundo tempo. Tanto que marcou logo no primeiro minuto. Após cruzamento do lado direito, a defesa não aliviou e a bola ficou com Misael. Ele ajeitou e bateu a bola no canto direito do goleiro Lauro.

Com laterais improvisados, o visitante encontrava dificuldades para chegar ao ataque. Aos 32 minutos, Marco Aurélio arriscou um pouco ao tirar o volante Uchôa para a entrada do atacante Wilker. Apesar da alteração, o placar ficou como estava.

Os dois times voltam a campo neste sábado e fora de casa. Às 17 horas, o Ituano vai pegar o Penapolense, em Penápolis (SP), enquanto que, a partir das 19h30, o Bragantino vai medir forças contra o Mogi Mirim, em Mogi Mirim (SP).

FICHA TÉCNICA

ITUANO 1 x 0 BRAGANTINO

ITUANO - Fábio; Dick, Nhaylor, Léo e Peri; Josa, Jackson Caucaia (Valfrido), Clayson e Cristian (Ronaldo); Misael e Ricardinho (Jheimy). Técnico: Tarcísio Pugliese.

BRAGANTINO - Lauro; Thiago Martinelli, Renato Santos, Wellington Reis e Pedro Henrique; Uchôa (Wilker), Adílson Goiano, Nick (Esquerdinha) e Muralha (João Vitor); Diego Maurício e Ígor. Técnico: Marco Aurélio Moreira.

GOL - Misael, a 1 minuto do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Cristian, Naylhor e Josa (Ituano); Adilson Goiano (Bragantino).

ÁRBITRO - Aurélio Sant''Anna Martins.

RENDA - R$ 15.390,00.

PÚBLICO - 684 pagantes.

LOCAL - Estádio Novelli Junior, em Itu (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.