Divulgação
Divulgação

Ituano vence e assume a vice-liderança do Paulistão

Em jogo quente em Bragança Paulista, time bate o Bragantino por 4 a 3 com gol nos acréscimos

AE, Agencia Estado

29 de janeiro de 2010 | 00h08

Em uma partida muito movimentada, o Ituano venceu o Bragantino por 4 a 3, nesta quinta-feira, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, e se juntou a Palmeiras e Corinthians - todos com oito pontos - nas primeiras colocações do Campeonato Paulista.  

 

Veja também:

especialQUIZ - Você sabe tudo sobre o Paulistão?

lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

Assim como o Palmeiras, o Ituano está rigorosamente empatado com o time da capital, já que no confronto direto houve empate por 3 a 3. A equipe de Itu só perde a ponta no critério do número de cartões: um cartão vermelho e 12 amarelos, contra um vermelho e oito amarelos dos palmeirenses. O Corinthians tem saldo de gols menor que os dois concorrentes e fica em terceiro lugar. O Bragantino, derrotado em casa, é o 13.º colocado, com quatro pontos.

O primeiro tempo foi equilibrado e com os times se revezando no campo de ataque. Mesmo atuando como visitante, foi o Ituano quem saiu na frente do placar. Aos 13 minutos, Simão arriscou da entrada da área. A bola bateu na trave, nas costas de Gilvan e entrou.

O Bragantino melhorou após a saída de Rodrigo Costa, que sentiu lesão, e a entrada do meia Danilo Bueno. Assim, Lúcio teve mais liberdade no meio de campo e foi justamente ele quem empatou. Aos 22 minutos, arriscou da intermediária e acertou no ângulo direito de Eder.

Na etapa final, o Ituano ficou novamente em vantagem aos seis minutos. Juninho Paulista fez jogada pela direita da área e rolou para trás. Welton chutou forte e venceu o goleiro Gilvan. O empate do Bragantino saiu aos 20. Após cobrança de falta, a zaga tentou afastar, mas Marcelo Godri fez um lindo gol.

O time de Itu não desistiu e ficou novamente em vantagem aos 32 minutos, após Alemão mandar bola no ângulo. O novo empate veio aos 38, com Frontini cobrando pênalti. Nos acréscimos, Rodrigão, mesmo de costas, desviou de cabeça, após a falta cobrada por Anderson Sales, e deu a vitória ao Ituano.

Agora, pela quinta rodada, o Bragantino volta a campo no domingo, às 11 horas, para encarar o Mogi Mirim, no estádio Papa João Paulo II, em Mogi Mirim. Já o Ituano joga no mesmo dia, mas às 19h30, quando recebe o Santo André, em Itu.

BRAGANTINO 3 X 4 ITUANO

Bragantino - Gilvan; Marcelo Godri, Mauricio e Tiago Vieira (Luís Antônio); Diego Macedo, Rodrigo Costa (Danilo Bueno), Paulinho, Lúcio e Esquerdinha; Rodriguinho (Quixadá) e Frontini. Técnico: Marcelo Veiga

Ituano - Éder; Rodrigão, Jean Pablo e João Leonardo; Simão, Alemão, Carlos Eduardo, Juninho Paulista (Luís Eduardo) e Alessandro; Anderson Ataíde (Anderson Salles) e Welton (Rafael). Técnico: Mazola Júnior

Gols - Simão, aos 13, e Lúcio, aos 22 minutos do primeiro tempo; Welton, aos 6, Marcelo Godri, aos 20, Alemão, aos 32, Frontini (pênalti), aos 38, e Rodrigão, aos 46 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos - Quixadá (Bragantino); João Leonardo e Alessandro (Ituano)

Cartão vermelho - Simão (Ituano)

Árbitro - Elcio Paschoal Borborema

Renda - R$ 6.085,00

Público - 433 pagantes

Local - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.