Cris Bouroncle/AFP
Cris Bouroncle/AFP

Jair culpa altitude por derrota do Santos e lamenta gol sofrido no início

"Ainda bem que não jogamos mais na altitude na fase de grupos", disse o treinador

Estadão Conteúdo

01 Março 2018 | 22h30

O técnico Jair Ventura não deixou de culpar a altitude de 3.400 metros da cidade peruana de Cuzco pela derrota do Santos na estreia na Copa Libertadores, na noite desta quinta-feira. Mas fez questão de admitir que foi surpreendido pelo Real Garcilaso na derrota por 2 a 0, fora de casa, pelo Grupo F.

+ Confira a classificação da Copa Libertadores

"Ainda bem que não jogamos mais na altitude na fase de grupos", disse o treinador, sem tentar dar ênfase à esta dificuldade. "Tudo vai parecer desculpa agora", ponderou, antes de apontar as falhas da sua equipe. "Mesmo assim, tivemos duas chances claras de gol que não conseguimos converter."

Jair Ventura reconheceu que foi surpreendido por algumas jogadas do rival, mesmo tendo estudado as principais armas do Real Garcilaso. "Aconteceu tudo que vimos nos vídeos, mas entre você observar e conseguir neutralizar a diferença é muito grande", admitiu o treinador.

Até as investidas de fora da área do Garcilaso, que culminaram no segundo gol dos anfitriões, já eram esperadas pelo Santos. "Tomamos um gol quase do meio da rua. Sabíamos dessa dificuldade. Tentamos neutralizar os chutes de média e longa distância. Tentamos ficar mais próximos possíveis do passe longo, já que eles têm o timing da bola. Eles agrediram a bola e tiveram êxito."

De acordo com o técnico santista, todas as dificuldades nesta estreia na Libertadores foram resultado do gol sofrido logo aos sete minutos de jogo. "Nossa estratégia foi quebrada com um gol aos sete minutos", disse Jair Ventura, sem revelar qual seria a estratégia do Santos em Cuzco. "Isso mudou bastante a nossa estratégia, mas botamos a bola no chão. Nossa maior dificuldade foi o tempo na bola."

O Santos volta a campo pela Libertadores no dia 15 para enfrentar o Nacional, em casa. No fim de semana, o time fará o clássico com o Corinthians, domingo, no Pacaembu, pela 10ª rodada do Campeonato Paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.