Jair Picerni pede demissão do Bahia

A derrota para o Marília, no último sábado, em Salvador, foi a gota d?água para o treinador Jair Picerni, que resolveu pedir demissão do Bahia. O preparador físico Luís Inarra e o auxiliar Fred Samnia também entregaram os cargos. A equipe baiana faz péssima campanha na Série B do Campeonato Brasileiro - é o 16º colocado, com 15 pontos. Com a demissão de Picerni, o auxiliar-técnico Carlos Amadeu assume o comando até que outro treinador seja contratado. Amadeu dirigiu o time na vitória contra o Anapolina, na estréia da competição. O nome de Jair Picerni, agora, passa a ser comentado em São Januário, no Rio de Janeiro. Seriamente ameaçado de rebaixamento no Brasileirão, o Vasco deve demitir o técnico Dário Lourenço nos próximos dias e Picerni seria a primeira opção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.