Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Jair vê Santos em formação e promete que time será competitivo nas semifinais

Técnico vê eficiência na equipe que conseguiu repetir pela primeira vez na temporada nesta quarta-feira

Estadão Conteúdo

22 de março de 2018 | 08h38

Com mais uma atuação apagada do Santos diante do Botafogo de Ribeirão Preto, a classificação do time às semifinais do Campeonato Paulista, asssegurada na noite de quarta-feira, trouxe mais alívio do que alegria ao torcedor. O técnico Jair Ventura, porém, saiu em defesa da sua equipe, apontando que está dando apenas os passos iniciais no seu trabalho.

+ Gabriel minimiza jejum no Santos e valoriza classificação sofrida

+ Roger critica regulamento e minimiza possível semifinal no Pacaembu

+ Confira a tabela do Campeonato Paulista

Na série contra o Botafogo pelas quartas de final, o Santos empatou por 0 a 0 em Ribeirão Preto e repetiu o resultado na noite de quarta, só passando de fase na disputa de pênaltis, com a vitória por 3 a 1. O treinador lembrou que pela primeira vez repetiu a escalação da equipe entre um jogo e outro.

"É a primeira vez no ano que consigo repetir a equipe. A equipe está em formação. Concordo que no primeiro tempo não fizemos o nosso melhor jogo, mas no segundo fomos mais incisivos. Não conseguimos classificar no tempo normal, mas tivemos a eficiência e o controle para garantir a vaga nos pênaltis", disse Jair Ventura.

O adversário do Santos nas semifinais do Paulistão só será conhecido nesta quinta-feira, quando Corinthians e Bragantino vão se enfrentar nas quartas de final, sendo que o time pegará Palmeiras ou São Paulo, ambos com a desvantagem de definir a série como visitante.

Jair garantiu não se importar com qual será o adversário do Santos e prometeu um time competitivo diante de qualquer rival, destacando ter a aprovado o desempenho da equipe nos clássicos na primeira fase do Paulistão - perdeu por 2 a 1 para o Palmeiras, venceu o São Paulo por 1 a 0 e empatou por 1 a 1 com o Corinthians.

"Não vamos torcer para A ou B. É provável que seja um clássico, mas vamos jogar. Estamos prontos. Fizemos bons jogos nos clássicos, mesmo com a derrota para o Palmeiras. O jogo contra o Corinthians foi o melhor segundo tempo do Santos, jogamos dentro da área deles. E contra o São Paulo vencemos. Esperamos fazer mais um grande jogo", afirmou o treinador.

Ainda sem conhecer quem enfrentará nas semifinais do Paulistão, o Santos volta a treinar na tarde desta quinta-feira, a partir das 15 horas, no CT Rei Pelé.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.