Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Jair Ventura comemora estratégia vitoriosa do Botafogo contra Atlético Nacional

Treinador também exaltou a evolução de sua equipe durante a temporada

Estadao Conteudo

14 de abril de 2017 | 10h30

O técnico Jair Ventura comemorou a estratégia - atuar nos contra-ataques e ter uma defesa sólida - adotada para enfrentar o Atlético Nacional, que resultou na vitória do Botafogo por 2 a 0 sobre os colombianos pela Copa Libertadores, nesta quinta-feira à noite, em Medellín.

"A maior incidência dos gols do Nacional é por dentro, mas, como também abrem os dois laterais, trabalhamos isso na semana. Sabíamos que eles teriam mais posse de bola, tentamos neutralizar marcando no tiro de meta. Nosso objetivo era tirá-los da zona de conforto. Eles arriscavam uns passes e erravam. Fico feliz por ter vencido essa equipe forte", analisou o treinador.

Jair Ventura exaltou a evolução do time na temporada deste ano. "Somos uma equipe boa assim como outras. A equipe do Atlético Nacional, por exemplo, é a atual campeã da Libertadores, tem um CT nível Europa. Temos muito arroz e feijão para comer ainda. Somos um time de operários", avaliou.

O comandante botafoguense fez questão de elogiar o comportamento da torcida colombiana em relação aos brasileiros. "Um clima de esporte, que não é uma guerra. Tem que prevalecer a amizade. Anunciaram nosso time e eles bateram palmas. Serve de lição", ressaltou o comandante, elogiando a torcida que já havia encantado o mundo com a série de homenagens feitas às vítimas da tragédia com o avião da Chapecoense, em novembro do ano passado.

Com o resultado, que encerrou um jejum de 24 anos sem vencer fora do Brasil que o clube amargava, o Botafogo chegou aos seis pontos em dois jogos disputados pelo Grupo 1 da Copa Libertadores. Pela competição, a equipe volta a campo na próxima quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), contra o Barcelona de Guayaquil, no Equador.

Mas antes, neste domingo, o Botafogo decide a Taça Rio contra o Vasco, em jogo marcado para às 16 horas no Engenhão. Para esta partida, o técnico Jair Ventura deverá optar pela escalação de um time alternativo, já que este troféu pouco valerá antes da disputa das semifinais do Carioca, que acontecerão nos finais de semana seguintes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.