Jair Ventura destaca ousadia e diz que Botafogo 'não precisa mudar nada'

Alvinegro conquistou sua quinta vitória seguida no Brasileirão

Estadão Conteúdo

20 Outubro 2016 | 10h49

Não foi fácil, mas o Botafogo conseguiu mais uma vitória nos minutos finais no Campeonato Brasileiro ao superar o Santa Cruz por 1 a 0, no Arruda, no duelo que abriu a 32ª rodada. Após o triunfo, Jair Ventura destacou que o duelo teve ritmos bem diferentes nos dois tempos e apontou que a ousadia nas substituições foi fundamental para assegurar a vitória em uma segunda etapa frenética.

"Tomamos um pouco de sufoco no primeiro tempo. No segundo nos arriscamos mais, coloquei um atacante no lugar de um lateral, um atacante na vaga de um volante e, quando vi, estava com time cheio de atacantes. Mas é assim, quando você arrisca, aumenta a possibilidade de sair com a vitória", disse.

Jair Ventura garantiu não ter se surpreendido com as dificuldades impostas pelo Santa Cruz, mesmo que o time seja o vice-lanterna do Brasileirão, praticamente rebaixado para a Série B, especialmente na etapa inicial, quando a equipe pernambucana teve as principais chances de gol.

"A equipe do Santa Cruz está mal na tabela, mas isso é uma coisa que dentro de campo não tem tanta influência. São profissionais, merecem respeito, e entramos conscientes de que precisaríamos nos esforçar para sair com a vitória", afirmou.

Com a vitória, o Botafogo se consolidou no G6, em quinto lugar no Brasileirão. Para Jair Ventura, o time precisa manter a postura para assegurar a classificação à Copa Libertadores. "Não precisamos mudar nada. Conseguimos chegar aqui assim", comentou.

Após a vitória de quarta, o Botafogo só voltará a jogar em 29 de outubro, quando vai receber o Coritiba, no Luso-Brasileiro, pela 33ª rodada do torneio nacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.