Julio Muoz/EFE
Julio Muoz/EFE

James Rodríguez volta a treinar e deve reforçar a Colômbia na estreia

O meia não havia treinado na quinta-feira por causa de dores musculares, mas parece recuperado para defender a seleção na Copa do Mundo

Estadao Conteudo

15 Junho 2018 | 16h02

Os torcedores colombianos ganharam uma boa notícia na Rússia. Principal jogador da seleção da Colômbia, o meia James Rodríguez reapareceu no treinamento desta sexta-feira, em Kazan, e não deve ser problema para a estreia da equipe na Copa do Mundo diante do Japão, nesta terça, em Saransk.

+ Vote: Escolha as camisas mais bonitas das seleções que estão na Copa 2018

+ Saiba detalhes sobre a taça da Copa 

+  Veja o Raio-x das 32 seleções que estão na Rússia

James Rodríguez e o volante Wilmar Barrios não haviam participado do treino da seleção colombiana na última quinta-feira, o primeiro aberto em solo russo, e passaram a ser dúvidas para o duelo. O meia sofria com dores musculares e Barrios tinha um desgaste muscular na panturrilha direita. Ambos ficaram na academia do hotel em que estão concentrados, onde realizaram exercícios físicos.

No entanto, assim como o craque do Bayern de Munique, Wilmar Barrios, jogador do Boca Juniors, da Argentina, voltou às atividades normalmente e também deve estar à disposição para a primeira partida no Mundial. Com os dois de volta, o técnico argentino José Pékérman pôde contar com os 23 jogadores pela primeira vez.

James Rodríguez foi o artilheiro do último Mundial no Brasil, em 2014, com seis gols, e comandou os colombianos na melhor campanha da história ao chegar às quartas de finais, fase em que a seleção sul-americana foi eliminada pelo Brasil. Ao lado do atacante Radamel Falcao Garcia, o meia é novamente o principal nome da Colômbia no torneio.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.