Taba Benedicto/Estadão
Taba Benedicto/Estadão

Janderson celebra gol marcado, mas lamenta expulsão: 'Fica a lição'

Jogador do Corinthians foi expulso após receber o segundo cartão amarelo depois de comemorar com a torcida

Dani Arruda, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

02 de fevereiro de 2020 | 13h58

Autor do segundo gol do Corinthians na vitória sobre o Santos por 2 a 0, neste domingo, na Arena Corinthians, pela 4ª rodada do Campeonato Paulista, o meio-campo Janderson comemorou o gol, mas lamentou sua expulsão após o lance.

Na comemoração, Janderson recebeu o cartão vermelho do árbitro Luiz Flávio de Oliveira. Ele já tinha um cartão amarelo recebido na etapa inicial e, após o gol, foi comemorar com a torcida na escada que dá acesso à arquibancada.

"Infelizmente esqueci que estava com o cartão e, na empolgação de fazer um gol no clássico, fui comemorar com a torcida. Fica a lição. Todo mundo erra e hoje errei. Mas temos um grupo unido, que correu por mim. Logo depois que fui expulso eles disseram para eu ficar tranquilo, que eles iriam correr pro mim", revelou.

Autor do primeiro gol do Corinthians, o atacante Everaldo chorou na comemoração. Depois de se transferir do Fluminense para Itaquera no ano passado, o jogador sofreu com uma série de lesões e atuou em apenas nove jogos da temporada. Em novembro, foi submetido a uma cirurgia no púbis.  

"Emoção muito grande, quase 5 meses sem jogar uma partida oficial. Foi muito difícil, queria gradecer minha esposa, minha filha, meus irmãos, o Dr. Joaquim Grava, a torcida, uma emoção muito grande poder voltar e logo no primeiro jogo como titular poder marcar".

O atacante Mauro Boselli comemorou a atuação corintiana no clássico contra o Santos. Sob o comando do ex-técnico Fábio Carile, o argentino não conseguiu desenvolver uma sequência de trabalho no clube.

"A minha personalidade não mudou nada, mas agora a equipe está jogando. Se continuarmos jogando desta forma vai ser difícil ganhar da gente aqui dentro da Arena."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.