Charly Triballeau/AFP
Charly Triballeau/AFP

Japão aplica goleada de 14 a 0 na Mongólia pelas Eliminatórias da Copa de 2022

Dentro de casa, equipe aproveita limitação do adversário e consegue fazer três gols no intervalo de três minutos

Redação, Estadão Conteúdo

30 de março de 2021 | 11h11

A seleção do Japão conseguiu nesta terça-feira um dos placares mais elásticos de sua história ao golear a Mongólia por 14 a 0, pelas Eliminatórias Asiáticas da Copa do Mundo de 2022, que será realizado no Catar. O duelo, válido pela oitava rodada do Grupo F, aconteceu na cidade de Chiba, no Japão.

Essa foi a segunda maior goleada da seleção do Japão em toda sua história no futebol, perdendo apenas para um 15 a 0 sobre Filipinas em 1967. Ex-jogador do Liverpool e atualmente emprestado ao Southampton, o meia Minamino abriu o placar aos 13 minutos. Depois, Osako, Kamada, Morita e Tuya (contra) ampliaram a vantagem ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa, o resultado foi ficando cada vez mais expressivo. Os gols foram marcados por Osako (duas vezes), Inagaki (duas vezes), Ito (duas vezes), Furuhashi (duas vezes) e Asano.

O detalhe é que três desses gols no segundo tempo foram anotados nos acréscimos, em um período de pouco mais de três minutos, quando a seleção da Mongólia simplesmente parou de jogar.

Com o resultado, o Japão segue com 100% de aproveitamento na segunda fase das Eliminatórias Asiáticas, liderando o Grupo F com 15 pontos. Na mesma chave, a Mongólia aparece na lanterna (quinto lugar), com três pontos. As seleções voltam a campo pelo qualificatório para o Mundial em junho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.