Toshifumi Kitamura/AFP
Toshifumi Kitamura/AFP

Japão efetiva técnico olímpico Hajime Moriyasu para a seleção principal

Ele substituirá Akira Nishino, que deixou o cargo após a eliminação do Japão nas oitavas de final da Copa do Mundo

Estadão Conteúdo

26 de julho de 2018 | 11h26

A Associação Japonesa de Futebol (JFA, na sigla em inglês) informou nesta quinta-feira que a seleção profissional de futebol passará a ser comandada pelo técnico Hajime Moriyasu, que já estava à frente do time olímpico.

Ele substituirá Akira Nishino, que deixou o cargo após a eliminação do Japão nas oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia - perdeu por 3 a 2 para a Bélgica. Moriyasu fez parte da comissão técnica no Mundial e conhece bem o elenco.

Sua primeira missão será a preparação para a Copa da Ásia, em janeiro de 2019. O time japonês, que buscará o pentacampeonato, está no Group F junto com Usbequistão, Omã e Turcomenistão. Na sequência, terá os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020.

Moriyasu, hoje com 49 anos, foi jogador de futebol e fez 35 partidas pela seleção de seu país entre 1992 e 1996. Como técnico, ele comandou o Sanfreece Hiroshima na conquista de três títulos do Campeonato Japonês, entre 2012 e 2015.

Seu antecessor no comando do Japão, Akira Nishino, foi colocado praticamente como técnico tampão para a Copa do Mundo. Isso porque o bósnio Vahid Halilhodzic foi demitido do cargo de maneira surpreendente em abril, a dois meses da Copa do Mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.