Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Jean explica troca de batedor de pênalti no Palmeiras: 'Róger vive grande fase'

Atacante é o quarto cobrador diferente do time no ano após equipe ter desperdiçado oportunidades de gol

O Estado de S. Paulo

20 de junho de 2017 | 19h03

O lateral-direito Jean, do Palmeiras, explicou nesta terça-feira a troca no time para escolher o batedor de pênaltis. O atacante Róger Guedes se tornou o quarto jogador do elenco a receber a missão e converteu a cobrança contra o Bahia, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro, por viver fase melhor que os demais colegas de time.

"Nós temos grandes batedores. O Róger vem em uma fase boa, fazendo partidas boas e gols. Eu perguntei se estava confiante para bater, e ele disse que estava", disse Jean em entrevista coletiva nesta terça-feira. O lateral perdeu um pênalti na temporada contra o São Paulo, assim como outros batedores desperdiçaram cobranças, como Borja, contra o Peñarol, e Willian, diante do Atlético-MG.

Róger Guedes intensificou os treinos de penalidades na última semana e teve a primeira oportunidade de cobrar na último domingo, quando abriu a vitória por 4 a 2 na Arena Fonte Nova. "É bom mudar os cobradores, porque os goleiros acabam estudando, vendo os últimos pênaltis, e acaba entendendo mais o jeito que bate. É bom para mudar a característica", explicou Jean.

Nesta quarta-feira, contra o Atlético-GO, no Allianz Parque, quem deve novamente receber a missão da cobrança de pênalti é Róger Guedes. Novamente o jogador deve continuar como titular da equipe para o jogo, que começa às 21h.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.