Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Jean Mota admite 'tristeza' após empate do Santos, mas mantém esperança

Meia acredita que o Santos ainda pode se aproximar do Corinthians nos dez jogos que faltam

Estadão Conteúdo

17 Outubro 2017 | 17h30

Jean Mota, meia do Santos, demonstrou frustração ao comentar o empate em 2 a 2 diante do Vitória, no Pacaembu, na segunda-feira, pela 8.ª rodada do Campeonato Brasileiro, que tirou a chance de o time diminuir para sete pontos a diferença em relação ao Corinthians, líder da competição. Entretanto, o jogador procurou adotar um discurso de otimismo em relação à luta pelo título do Nacional.

+ Ricardo Oliveira lamenta atuação ruim do Santos e empate frustrante

+ PODCAST: Santos terá retorno de três jogadores importante contra o Sport

"Sentimento de tristeza. A gente sabia que era um jogo muito importante. Infelizmente não fizemos um bom jogo, as coisas não aconteceram. Mas ainda não tem nada perdido. Tem 10 jogos para tentar manter a nossa invencibilidade e tentar chegar próximo do Corinthians", declarou o jogador em entrevista coletiva após a reapresentação da equipe, nesta terça-feira, no CT Rei Pelé, em Santos.

Jean Mota preferiu minimizar as polêmicas após o resultado ruim. Alguns jogadores, como o meia Lucas Lima e o lateral-esquerdo Zeca, foram vaiados. O lateral, por sua vez, deixou o gramado bastante irritado e, horas após o jogo, publicou uma imagem em sua conta no Instagram - apagada logo em seguida - considerada agressiva e que pode render uma punição da diretoria santista.

Jean Mota revelou que prefere evitar as redes sociais em momentos turbulentos. "Acho que só tem o lado ruim. O torcedor está de cabeça quente, a gente está de cabeça quente. Tanto nós quanto os torcedores queríamos a vitória. Se você entrar na rede social e postar alguma coisa, alguém pode interpretar de alguma maneira diferente. Como se você não estivesse ligando. A gente tem que se blindar. Quanto menos usar as redes sociais, é melhor", afirmou o meio-campista.

O Santos voltou aos treinamentos para a partida contra o Sport, na Ilha do Retiro, nesta quinta, às 21 horas, pela 29.ª rodada do Brasileirão. O time santista chegou aos 49 pontos, mas perdeu a vice-liderança da competição para o Grêmio, que tem a mesma pontuação, devido a critérios de desempate.

Mais conteúdo sobre:
Santos Futebol Clube futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.