Jean passa por cirurgia no joelho e volta ao Palmeiras em dois meses

Jean passa por cirurgia no joelho e volta ao Palmeiras em dois meses

Lateral-direito é operado para tentar curar dor causada por problema na cartilagem e que incomoda desde o ano passado

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

11 Janeiro 2018 | 17h57

O lateral-direito Jean, do Palmeiras, precisou ser submetido a uma cirurgia direito na quarta-feira e deve voltar a atuar somente daqui dois meses. O departamento médico resolveu fazer a artroscopia para tentar solucionar dores crônicas que incomodam o jogador desde o ano passado. Um novo procedimento será realizado no domingo para completar a intervenção. O prazo estimado para voltar a atuar deve ser de dois meses.

+ Victor Luís comemora nova chance no time de infância

+ Mina é confirmado no Barcelona e terá multa rescisória de R$ 385 milhões

Segundo o médico do clube, Gustavo Magliocca, Jean precisou ser operado porque a cartilagem do joelho apresentava desgaste e incomodava demais o lateral. Como não existe um procedimento específico para a cartilagem, a solução foi por uma intervenção no osso para liberar a pressão existente no local e aliviar o desconforto. 

O departamento médico do Palmeiras vai realizar no domingo um procedimento complementar no joelho de Jean. O clube alega se tratar de um tratamento não cirúrgico, porém disse não poder dar mais detalhes. No ano passado o lateral atuou em 41 jogos e meta agora é com esses cuidados, conseguir fazê-lo atuar mais vezes na temporada 2018.

Durante o ano passado Jean precisou cumprir um cronograma especial de treinos para não piorar o problema no joelho. O jogador era poupado de algumas atividades durante a semana para aliviar o desgaste. Na ocasião, o departamento médico do Palmeiros consultou especialistas em joelho para avaliar a possibilidade de cirurgia, ideia que inicialmente acabou descartada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.