Jefferson diz que atitude de Jobson atrapalhou Botafogo

O goleiro Jefferson abriu o jogo nesta terça-feira durante visita à Soccerex, feira de negócios relacionados ao futebol. Para o defensor da meta alvinegra e reserva da seleção brasileira, o comportamento do atacante Jobson prejudicou o Botafogo nesta reta final.

AE, Agência Estado

23 de novembro de 2010 | 19h49

O atacante faltou a um treino, foi multado e treinou em separado, além de outros episódios de indisciplina. E na avaliação de Jefferson, a sequência de atitudes influenciou na derrota para o Internacional, no domingo.

"A questão não é perdoar o Jobson. Creio que colhemos o que plantamos. A semana não foi boa. Isso acaba influenciando. Não somente nesse jogo, mas chegar atrasado, não ir treinar, atrapalha todo o grupo. Mas não vamos jogar a responsabilidade toda em cima do Jobson. Mas ele não estava 100% para fazer a diferença a nosso favor", disse o goleiro.

Falando em tom de desânimo quanto à conquista de uma vaga Libertadores de 2011, o goleiro botafoguense também citou as lesões de jogadores importantes. "As contusões do Maicosuel, do Fábio Ferreira, a própria postura de alguns jogadores, como o Jobson. Querendo ou não afeta o grupo. Vamos terminar a competição de cabeça erguida", ponderou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.