Jejum de gols termina, mas Corinthians empata mais uma vez

Dentinho marca e acaba com jejum de 3 jogos, mas equipe erra demais e soma quatro empates consecutivos

Alan Rafael Villaverde, estadão.com.br

06 de fevereiro de 2008 | 23h50

Paulo Pinto/AEAtacante Dentinho comemora seu gol com Lulinha; dupla funciona, mas ansiedade do ataque ainda é o maior problema para o Corinthians voltar a vencer no Campeonato Paulista da Série A-1SÃO PAULO - O jejum de gols terminou, mas o Corinthians soma seu quarto empate consecutivo ao ficar no 1 a 1 com o Barueri na noite desta quarta-feira, em Barueri, em partida válida pela sétima rodada do Campeonato Paulista.Veja também: Classificação Calendário / Resultados  Mano Menezes culpa o árbitro pelo empate do Corinthians Bate-pronto - Corinthians: um time montado para 2008Com mais este ponto, o Corinthians agora possui 10 pontos e continua na zona intermediaria da competição, mas muito aquém daquilo que era esperado pelo técnico Mano Menezes, uma vez que o time somou apenas quatro pontos em quatro jogos, com aproveitamento de apenas 33,3%. Já o Barueri também chegou aos 10 pontos, mantendo-se à frente do próprio rival desta noite.Tentando dar novo ânimo para Acosta, o técnico Mano Menezes colocou o meia no ataque ao lado de Dentinho, além de adaptar Carlão como defensor. Aparentemente, as modificações surtiram efeito, já que o Corinthians dominou boa parte da primeira etapa, mas, como de costume, errou na hora de concluir. O exemplo mais claro aconteceu aos 10 minutos, quando Acosta, na entrada da pequena área, chutou para fora.A resposta do Barueri não poderia ser melhor; aos 29, Flávio cobrou escanteio e Ávalos, ex-Santos, desviou para vencer Felipe e abrir o placar, deixando o time do Corinthians sem ação pelos próximos cinco minutos.Depois de assimilar o golpe, os jogadores alvinegros voltaram a utilizar as jogadas pela lateral esquerda, com André Santos que, aos 36, cruzou na medida para Dentinho chutar cruzado e, finalmente, acabar com o jejum de gols, empatando a partida e dando novo ânimo à torcida presente.Apesar do empate, o Corinthians bobeou em dois lances ao final do primeiro tempo, mas o goleiro Felipe evitou o gol adversário. Aos 41, Guigov roubou a bola de Alessandro e exigiu boa defesa do goleiro corintiano que, três minutos depois, faria uma difícil defesa no chute de fora da área do atacante Alberto (ex-Santos) e, no rebote, faria mais uma defesa; desta vez no chute à queima-roupa de Pedrão. "O jogo está equilibrado, mas temos mais posse de bola e precisamos concluir mais em gol", comentou o volante Bruno Octávio. Barueri1Renê; Diego, Ávalos    , Duílio e Guigov; Amaral (Marcos Pimentel), Rodrigo Pontes    , Flávio     e Alex Maranhão (Tiago Humberto); Alberto (Goeber) e PedrãoTécnico: Gelson Silva Corinthians1Felipe; Alessandro, William, Carlão e André Santos    ; Bruno Octávio (Bóvio), Fabinho    , Perdigão     e Lulinha; Dentinho (Éverton Ribeiro) e Acosta (Herrera)Técnico: Mano MenezesGols: Ávalos, aos 29; Dentinho, aos 36 minutos do primeiro tempoÁrbitro: Marcelo Prieto AlfieriRenda: R$ 196.740,00Público: 10.514 pagantesEstádio: Arena Barueri, em Barueri (SP)Aparentemente satisfeito com seu time, Mano não fez alteração alguma para o começo da segunda etapa, mas a jogada com André Santos foi anulada, fazendo com que jogadas não fossem mais criadas. Aos poucos, a torcida voltou a criticar a atuação do time, especialmente Acosta, que foi substituído por Herrera que, aos 19, teve a grande chance de dar a vitória ao Corinthians. Lulinha desceu pela direita e cruzou rasteiro para o atacante argentino que, por sua vez, deu um belo toque de letra, mas o zagueiro Duílio apareceu e tirou a bola perto da linha do gol.Este foi o lance mais claro que o Corinthians teve para marcar o gol da virada, já que Lulinha, ansioso, chegou a ter uma boa chance, mas, ao invés de tocar a bola para Dentinho, arriscou o chute, que parou nos pés de seu marcador. Depois de tal lance, Herrera tentou, mas novamente mostrou o porquê de ser tachado de ser um atacante que se movimenta muito, mas que não sabe marcar gols.Agora, o Corinthians enfrenta o Ituano no próximo domingo, às 16 horas, em Itu, enquanto o Barueri tem pela frente o Juventus, no mesmo dia, às 11 horas, na Rua Javari.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistão A-1CorinthiansBarueri

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.