Divulgação
Divulgação

Jemerson assina até junho de 2020 e é oficializado no Monaco

Franceses compram zagueiro do Atlético-MG por cerca de 10 milhões de euros

Estadão Conteúdo

31 Janeiro 2016 | 10h56

O zagueiro Jemerson foi anunciado oficialmente neste domingo como novo reforço do Monaco. A negociação já era dada como certa nos últimos dias, mas somente neste fim de semana o jogador de 23 anos assinou contrato por quatro anos e meio, até junho de 2020, e falou pela primeira vez como novo reforço do clube do principado.

"Estou muito orgulhoso de assinar com o Monaco. É um grande clube, onde vários grandes jogadores já passaram e espero que eu seja um deles. Quero ajudar na conquista dos objetivos o mais rapidamente possível, especialmente a classificação para a Liga dos Campeões. Vou dar tudo pela camisa do Monaco", declarou ao site do clube.

Depois de muita especulação e de ver seu nome cogitado em diversos times da Europa, Jemerson embarcou na última quinta-feira para Montecarlo. A própria diretoria do Atlético-MG já dava como certa a negociação e explicava que precisava de uma grande venda para manter as contas em dia.

Cogitou-se a transferência de Lucas Pratto, mas foi mesmo Jemerson quem acabou saindo. O jovem zagueiro custou cerca de 10 milhões de euros aos cofres do Monaco, dos quais 6 milhões ficarão com o Atlético-MG. Em seu novo clube, ele terá a concorrência de alguns nomes importantes, incluindo o do também brasileiro Wallace e do veterano Ricardo Carvalho.

"Estamos orgulhosos de anunciar a chegada de Jemerson, um jovem defensor brasileiro que estávamos acompanhando regularmente. Temos muita fé nele. Ele terá a oportunidade de se desenvolver no Monaco e temos certeza que em breve ele já estará mostrando todas suas qualidades", disse o vice-presidente e CEO do Monaco, Vadim Vasilyev.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.