Rodrigo Coca/ Agência Corinthians
Rodrigo Coca/ Agência Corinthians

Jemerson deve ter sequência rara de jogos interrompida por torção no joelho

Torção no joelho deve interromper rara sequência de jogos do corintiano Jemerson

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

22 de janeiro de 2021 | 08h00

O bom começo de 2021 de Jemerson pode ter sofrido um revés na noite de quinta-feira. Titular nos últimos quatro jogos do time, o zagueiro se lesionou no fim da vitória do Corinthians por 3 a 0 sobre o Sport. Precisou ser substituído, passará por avaliação e poderá desfalcar o time no duelo com o Red Bull Bragantino, segunda-feira, na Neo Química Arena, pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Aos 36 minutos do segundo tempo, após uma disputa com Bruno Méndez, Bruninho caiu e travou a perna de Jemerson. O zagueiro teve de realizar atendimento médico, deixando o campo mancando, para a entrada de Marllon. Após o duelo, o Corinthians comunicou que o zagueiro sofreu torção no joelho esquerdo e passará por exames.

O duelo com o Sport foi o quarto de Jemerson pelo Corinthians, todos como titular e em sequência. Havia enfrentado, antes, Botafogo, Fluminense e Palmeiras. Uma série importante para quem ficou quase um ano parado e vinha conquistando seu espaço com Vagner Mancini.

O ano de 2020 foi difícil para Jemerson. O zagueiro atuou pela última vez pelo Monaco em 28 de janeiro, chegando ao Corinthians em novembro. Mas contraiu o coronavírus e só foi estrear pelo time no último compromisso do time antes do fim do ano passado. Assim, no duelo com o Sport, o seu terceiro em 2021, superou a marca de compromissos disputados em 2020.

Além disso, não emplacava uma sequência de quatro jogos desde o fim de 2019: foi entre 24 de novembro e 14 de dezembro daquele ano, com a camisa do Monaco. Mais do que isso, só na reta final da temporada 2018/2019 havia entrado em campo mais de quatro vezes seguidas - atuou pelo Monaco entre a 31.ª e a 37.ª rodada do Campeonato Francês pelo antigo clube.

Agora, porém, poderá se ver forçado a ter uma nova pausa. Como alívio para Vagner Mancini, ao menos o outro zagueiro titular fará a sua volta ao time diante do Bragantino: Gil, que está livre de suspensão pelo terceiro cartão amarelo. E o uruguaio Bruno Méndez deverá atuar ao seu lado, disputando o segundo duelo consecutivo.

Mancini também deverá ter à disposição o volante Gabriel, que foi expulso no clássico com o Palmeiras. O venezuelano Otero, que havia contraído o coronavírus, também poderá ser aproveitado.

O confronto com o Bragantino pode ser importante para o Corinthians frear a ascensão do adversário, o 11.º colocado no Brasileirão, com 41 pontos, quatro atrás do clube da capital, o oitavo. Ambos sonham com a classificação à Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.