Jerkovic, artilheiro da Copa de 1962, morre aos 72 anos

O croata Drazan Jerkovic, um dos artilheiros da Copa do Mundo de 1962, morreu na terça-feira, em Zagreb, aos 72 anos. O atacante, que defendeu a seleção iugoslava no Mundial do Chile, sofreu uma parada cardíaca, segundo autoridades locais.Jerkovic jogou pelo Dínamo Zagreb entre 1954 e 1965, e é considerado um dos mais importantes jogadores da história croata. Pela seleção iugoslava, ele disputou 21 jogos e marcou 11 gols, entre eles os quatro que o colocaram na artilharia da Copa de 1962, ao lado dos brasileiros Vavá e Garrincha, do chileno Leonel Sanchez, do húngaro Florian Albert e do soviético Valentin Ivanov.Além da artilharia dividida, Jerkovic foi considerado o melhor atacante do Mundial. A Iugoslávia terminou a Copa na quarta colocação, depois de perder para a República Checa na semifinal e para os anfitriões chilenos na disputa do terceiro lugar.Depois de encerrar a carreira como jogador, Jerkovic foi técnico da seleção iugoslava campeã dos Jogos Mediterrâneos de 1971. No início dos anos 90, tornou-se o primeiro técnico da seleção croata, após a independência do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.