Jô recebe elogios do técnico da Sub-20

Pelo menos para o garoto Jô, a tarde cinzenta no Maracanã, em que o Corinthians perdeu para o Flamengo, compensou. O atacante corintiano recebeu elogios de Valinhos, técnico da seleção brasileira Sub-20 que vai disputar o Mundial em novembro, nos Emirados Árabes. "Dos jogadores que eu vim observar, Jô foi o melhor."Valinhos esteve no Maracanã para ver quatro jogadores do Corinthians e três do Flamengo. Além de Jô, Coelho, Vinícius (Fininho) e Wilson mereceram a atenção do técnico. Pelo time carioca, Ânderson, Gaúcho e André Bahia.As palavras do treinador deixam Jô perto da convocação. "Ele teve boa atuação, apesar da derrota do Corinthians. Atuou bem jogando como atacante, no primeiro tempo, e voltou a jogar bem fazendo a função de aproximação na segunda etapa", disse Valinhos.Jô era o jogador mais jovem em campo, com 16 anos. No primeiro tempo, especialmente, esteve mais próximo do gol. Aos 26 minutos, passou como quis pelos zagueiros Fernando e André Bahia, ganhou de Fabinho, que vinha na cobertura, e ainda chegou antes que o goleiro Júlio César na bola. Só não fez um belo gol porque não teve sorte: a bola ganhou efeito contrário, bateu na trave esquerda flamenguista e, na volta, André Bahia aliviou o perigo.No segundo tempo, Jô não esteve tão próximo da área adversária, mas ainda assim se destacou pelo toque de bola refinado e pela irreverência de seus dribles. Aos 32 minutos, deslocado pela direita, deixou André Bahia quase sentado com uma finta desconcertante. A jogada só não teve prosseguimento porque o atacante do Corinthians recebeu a falta.No final da partida, Jô nem teve chance de comentar a sua atuação. Sorteado para o exame antidoping, saiu direto do Maracanã para o aeroporto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.