JF Diorio/ Estadão
JF Diorio/ Estadão

Jô vive a feliz rotina de fazer a diferença em clássicos para o Corinthians

Atacante marca o quarto gol em clássico na temporada e comemora boa fase

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2017 | 21h13

Como se tornou um hábito em clássicos com o Corinthians, Jô fez a diferença e marcou mais um gol, o segundo contra o São Paulo na temporada, na vitória por 2 a 0 sobre o rival tricolor, neste domingo, no Morumbi. Ele abriu o caminho da vitória em um jogo em que mais uma vez, o time alvinegro soube aproveitar as poucas chances criadas.

“Venho trabalhando para ter esse desempenho aqui. Clássico é sempre bom jogar e Deus tem me abençoado com o bom desempenho nos jogos mais importantes”, disse o atacante, que se tornou titular absoluto de Fábio Carille. “Todo mundo no clube me dá apoio. Do presidente ao porteiro e isso dá maior tranquilidade para fazer as coisas certas”, completou.

A vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo dá uma larga vantagem ao Corinthians para o jogo de volta, mas ninguém quer cantar vitória antes do tempo. “A gente já viu várias viradas incríveis no futebol. Temos boa vantagem, mas a decisão está aberta”, minimizou Jô. 

No primeiro tempo, o corintiano recebeu o cartão amarelo – seria o terceiro dele – por ter supostamente pisado em Renan Ribeiro. O zagueiro Rodrigo Caio admitiu que ele foi quem cometeu a infração. “Tenho que dar os parabéns para ele. Assim que começa a mudar as coisas no futebol”, disse o artilheiro corintiano. 

O meia Jadson lembrou o prognóstico apontado por muita gente de que o Corinthians seria a quarta força do Estado. “Sempre fomos considerados assim e  estamos com um pé na final. Que continuem falando, pois nos manteremos focados”.

 

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansCorinthiansFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.