Raul Spinasse/EFE
Raul Spinasse/EFE

Joachim Löw convoca 26 alemães para eventos publicitários com a seleção

A lista é um esboço do que pode ser a esperada lista de convocados para a Copa do Mundo

Agência Estado

17 de janeiro de 2014 | 11h29

FRANKFURT - O técnico da seleção da Alemanha, Joachim Löw, apresentou nesta sexta-feira um esboço do que pode ser a esperada lista de convocados para a Copa do Mundo, ao chamar 26 jogadores para eventos publicitários. Os jogadores se reunirão em Munique na próxima segunda-feira para dois dias de eventos de marketing, como fotos para patrocinadores e atividades similares.

Löw, porém, também deseja usar esse tempo para aumentar o clima de Copa do Mundo entre seus jogadores. O treinador disse que era "extremamente importante" ter a possibilidade de falar pessoalmente com seus jogadores. "Para todos nós, não há nada maior do que uma Copa do Mundo no Brasil e nós mal podemos esperar para que comece", disse o técnico.

Jogadores do Arsenal, Mesut Özil, Per Mertesacker e Lukas Podolski estarão ausentes em razão de compromissos do clube. Mas os contundidos Sami Khedira e Mario Gomez foram convidados para o encontro.

Löw não chamou qualquer novato e não houve omissões surpreendentes. O atacante Stefan Kiessling, artilheiro do Campeonato Alemão na temporada 2012/2013, ficou de fora, apesar do técnico ter declarado que ele pode fazer parte do grupo da Copa do Mundo, seu um ou ambos de seus atacantes preferidos, Gomez e Miroslav Klose, não tiver condições de atuar no Brasil.

Confira a lista de jogadores convidados:

Goleiros: Rene Adler (Hamburgo), Manuel Neuer (Bayern de Munique), Roman Weidenfeller (Borussia Dortmund), Ron-Robert Zieler (Hannover).

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Benedikt Hoewedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund) , Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund), Marcell Jansen (Hamburgo), Heiko Westermann (Hamburgo).

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sidney Sam (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Ilkay Gundogan (Borussia Dortmund), Marco Reus (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Mario Götze (Bayern de Munique), Toni Kroos (Bayern de Munique), Thomas Müller (Bayern de Munique), Bastian Schweinsteiger (Bayern de Munique), Sami Khedira (Real Madrid), Andre Schürrle (Chelsea).

Atacantes: Mario Gomez (Fiorentina), Miroslav Klose (Lazio) e Max Kruse (Borussia Mönchengladbach).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.