Alexandre Vidal/Flamengo
Alexandre Vidal/Flamengo

João Lucas sofre lesão na coxa e Flamengo deve improvisar na lateral

Única opção de Domènec para não improvisar, é apostar em Matheusinho, recém promovido da base e que nunca atuou entre os profissionais

Redação, Estadão Conteúdo

21 de agosto de 2020 | 07h50

O técnico Domènec Torrent terá problemas para escalar a lateral direita do Flamengo no clássico contra o Botafogo, domingo, no Engenhão, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Exames apontaram que João Lucas sofreu lesão no músculo posterior da coxa esquerda no empate por 1 a 1 com o Grêmio, quarta-feira. Ele iniciou tratamento, mas não terá condições de atuar no fim de semana.

João Lucas assumiu a titularidade da posição no Flamengo após Rafinha deixar o clube, se transferindo ao Olympiacos. O outro lateral-direito à disposição do treinador é Matheusinho, recentemente promovido da equipe de juniores.

Diante do Grêmio, porém, Domènec optou por improvisar o volante Renê na lateral direita após o titular se contundir na última quarta-feira, durante o segundo tempo. E isso deverá se repetir no fim de semana.

Antes mesmo da lesão de João Lucas, o Flamengo havia anunciado a contratação do lateral chileno Mauricio Isla, que assinou compromisso até o fim de 2022. Ele deverá chegar ao Rio no próximo sábado e depois precisará ter seu vínculo regularizado para ficar à disposição do treinador. Mas a inatividade pode atrapalhar o seu aproveitamento, pois ele atuou pela última vez, pelo Fenerbahçe, em março. O clube decidiu que o chileno, de 32 anos, vestirá a camisa de número 44.

Com as opções escassas para a posição, o Flamengo está em busca de outro reforço para a posição, sendo que Guga, do Atlético Mineiro, é o nome preferido pela diretoria.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoDomènec Torrent

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.