João Vitor lamenta erros do Palmeiras em clássico

João Vitor só participou de dois jogos do Palmeiras como titular neste Campeonato Paulista. Coincidentemente, suas duas atuações foram em clássicos, ambos jogados em Presidente Prudente. E o volante, que se destacou exatamente jogando pela equipe daquela cidade, o Grêmio Prudente, ficou entre os melhor jogadores alviverdes tanto contra o Santos como diante do São Paulo.

DANIEL AKSTEIN, Agência Estado

27 de fevereiro de 2012 | 15h33

Protetor da defesa alviverde e um dos responsáveis por anular Jadson, que saiu no intervalo sem mal ter tocado na bola, João Vitor elogiou a garra da equipe e lamentou os erros que permitiram o empate tricolor em três oportunidades. "O Palmeiras foi aguerrido no clássico, mas o São Paulo foi feliz em alguns erros nossos. "Fomos regulares o jogo todo e eles só fizeram gol nos nossos vacilos", comentou o volante.

João Vitor endossou a reclamação de Felipão e também acha que não houve o pênalti de Cicinho sobre Cortez, que originou o segundo gol do São Paulo. "O pênalti foi injusto, acho que o Cicinho foi legal no lance", disse o volante, que deve se manter como titular contra o Linense, na quarta-feira, uma vez que Marcos Assunção está suspenso pelo terceiro amarelo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasCampeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.