Marcos de Paula/AE
Marcos de Paula/AE

Joel Santana celebra reestreia com vitória no Flamengo

Técnico lamenta pênalti perdido por Ronaldinho e elogia o Madureira

AE, Agência Estado

10 de fevereiro de 2012 | 10h14

O técnico Joel Santana começou sua quinta passagem pelo Flamengo com vitória sobre o Madureira, por 1 a 0, na última quinta-feira, pela quinta rodada da Taça Guanabara. Apesar das críticas de parte da torcida, que não gostou do futebol apresentado, o treinador comemorou o resultado.

"Acho que jogamos bem até a hora do pênalti. O jogo estava seguro. O Madureira não é uma equipe ruim. De uma maneira geral, foi bom estrear com uma vitória", declarou, citando o pênalti perdido por Ronaldinho Gaúcho, que chutou por cima.

Apesar dos três pontos, que deixam a equipe na terceira colocação do Grupo A, com 9 pontos - mesmo número dos líderes Resende e Botafogo -, Joel sabe que a equipe não jogou bem. O treinador disse que entende a "angústia" da torcida, mas ressaltou a importância do triunfo.

"O torcedor queria um resultado mais elástico. Eles sentiram o que eu estava sentindo ali fora do campo. Querem uma segurança, pois a bola podia dar uma resvalada e entrar no nosso gol. Eles sentem aquela angustia, mas o time venceu", afirmou.

Os jogadores parecem ter assimilado o discurso do novo técnico e também pensavam apenas no resultado depois da partida. "Nesta quinta, jogando bem ou mal tínhamos que vencer. O time vinha de três empates na competição e precisava dos três pontos. O Joel não mudou muita coisa ainda. Nossa formação foi bem parecida com a que estava jogando e para mudar precisa de um pouco de tempo. A torcida cobrar é normal. Eles nos apoiam sempre e querem um resultado melhor, uma goleada", avaliou o goleiro Felipe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.