Joel Santana deixa o comando do Vasco

Joel Santana deixou o cargo de técnico do Vasco, após a eliminação na Copa do Brasil com a derrota para o Baraúnas, por 3 a 0, nesta quarta-feira à noite, em São Januário. Desde a má campanha no Campeonato Carioca, o treinador vinha sendo muito criticado pelos torcedores e sua situação ficou insustentável diante desse vexame em casa."O Joel é um cara inteligente e sabe o que é melhor para ele e para o Vasco. Eles nos reuniu e falou que neste momento não tinha mais condições de ficar", contou o atacante Romário, encarregado de informar a saída do treinador. "É mais um que passou e, com certeza, um dia vai voltar. Desejo boa sorte ao novo técnico, porque vai encontrar muito trabalho pela frente." Romário ainda disse que não considera a saída de Joel Santana a solução ideal para o Vasco. Mas mostrou conformismo ao lembrar que quando um time não vence o treinador sempre é mandado embora ou pede demissão. "O momento é de pensarmos no Campeonato Brasileiro que, no meu entender, é mais importante do que o Carioca e a Copa do Brasil. Porque, além de pensarmos em vencê-lo, precisamos lutar para não sermos rebaixados", afirmou o atacante de 39 anos, que renovou seu contrato até o final do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.