Joel Santana pede paciência com Dudu no Cruzeiro

Joel Santana enalteceu as qualidades do jovem meia-atacante Dudu, um dos destaques da seleção brasileira Sub-20 na conquista do Mundial. Ainda assim, o treinador do Cruzeiro pediu paciência e disse que o atleta precisa conquistar seu espaço gradualmente.

AE, Agência Estado

24 de agosto de 2011 | 11h43

"Temos um grupo de cerca de 30 jogadores. Temos que ter, acima de tudo, paciência e responsabilidade. O Dudu faz parte, é uma pedra preciosa, um jogador que, a cada dia que passa, está crescendo, e faz parte do nosso grupo", afirmou Joel.

Embora reserva na seleção brasileira Sub-20, Dudu foi decisivo em diversas partidas ao entrar no segundo tempo, inclusive na final contra Portugal. E Joel lembrou que o meia-atacante já tinha feito algumas boas atuações pelo Cruzeiro. "É um jogador que, quando saiu daqui, entrou bem em alguns jogos, contribuiu até para alguns resultados. É um jogador que despontou bem na seleção brasileira, é um jovem promissor que, claro, faz parte do nosso grupo", finalizou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroJoel SantanaDudu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.