Joel vê Botafogo mais motivado para o clássico

O Palmeiras chegou a estar vencendo por 2 a 0, mas o Botafogo reagiu e arrancou o empate por 2 a 2, na noite de quinta-feira, no Pacaembu. Um resultado que, segundo o técnico Joel Santana, encheu o time carioca de motivação para a sequência do Brasileirão - o próximo compromisso é o clássico de domingo, contra o Fluminense, no Engenhão.

AE, Agência Estado

23 de julho de 2010 | 20h14

"Foi um empate com gosto de vitória. Não é todo o dia que você sai perdendo por 2 a 0 para o Palmeiras lá em São Paulo e consegue uma reação como foi a nossa. Com certeza a nossa motivação vai ser a maior possível para este jogo contra o Fluminense", avaliou Joel, já pensando na preparação botafoguense para o clássico de domingo.

Com os desfalques do zagueiro Fábio Ferreira e do atacante Jobson, ambos suspensos, Joel ainda não definiu a escalação do Botafogo para domingo. "Vou pensar e usar o treino (deste sábado) para definir quem joga. Temos boas alternativas, vamos esperar", disse o treinador, que, em compensação, terá o retorno do atacante argentino Herrera.

Para ajudar nessa difícil missão do Botafogo no clássico contra o Fluminense, Joel já convocou os torcedores para lotarem o Engenhão no domingo. "Tenho a certeza de que a nossa torcida vai comparecer. Jogaremos em casa e temos de ter maioria nas arquibancadas. De qualquer forma será um grande espetáculo", avisou o treinador.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoJoel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.