Reprodução / Instagram
Reprodução / Instagram

Jogador brasileiro mostra apartamento destruído por míssil em Israel; veja o vídeo

Higor Vidal, que atua no Hapoel Petah Tikva, afirmou que foi um milagre ter sobrevivido ao ataque

Redação, O Estado de S. Paulo

13 de maio de 2021 | 17h07

O meia brasileiro Higor Vidal, atualmente no Hapoel Petah Tikva, que disputa a primeira divisão do futebol de Israel, teve seu apartamento destruído por um míssil na madrugada desta quinta-feira em Israel. Os confrontos entre os grupos armados palestinos e Israel se intensificaram na última madrugada e aumentaram a tensão na região da Faixa de Gaza. Autoridades locais estimam em mais de 70 o número de mortos desde o início das piores hostilidades em anos.

O próprio jogador, revelado pelo futebol paranaense, mostrou a destruição em um vídeo no Instagram. Nas imagens, é possível ver estilhaços espalhados pelo apartamento, janelas destruídas e objetos danificados. "Este é meu apartamento em Petah Tikva após o ataque do Hamas", iniciou Higor, que chegou a atuar na base do Santos quando era adolescente. 

 

O brasileiro criticou a atuação dos grupos armados palestinos. "Compartilhe este vídeo para mostrar quem é esse povo. Eles agem como animais, atacando pessoas inocentes como eu, minha esposa e meu bebê. Por favor, parem de dizer que Israel está atacando Gaza. Porque é Gaza, os terroristas estão atacando pessoas inocentes de Israel", escreveu.

"Não merecemos esse tipo de coisa, ninguém merece. Só vim aqui para fazer o meu trabalho que é jogar futebol, nada mais. Eu realmente agradeço a você, Deus de Israel, por proteger a mim e minha família hoje. É um milagre que eu e minha família estejamos vivos. Obrigado por todas as mensagens de todos vocês", finalizou o atleta de 24 anos.

Susto em jogo de basquete

Também em Israel, um jogo de basquete da segunda divisão nacional foi interrompido por alarmes de mísseis na região nesta quinta-feira. No último quarto, os jogadores e a pequena torcida que acompanhava a partida entre Maccabi Raanana e Maccabi aelKiryat Motzkin entraram em desespero.

Alguns jogadores preferem deitar no chão e esperar enquanto a reação dos torcedores é abandonar o ginásio. Apesar do susto, ninguém ficou ferido e a partida foi terminada normalmente depois da interrupção.

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolIsrael [Ásia]míssil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.