Jogador do Brasiliense é absolvido em caso de doping

O zagueiro do Brasiliense, Ailson, e o médico do clube, Paulo Lobo, foram absolvidos no caso de doping nesta quinta-feira. O atleta foi flagrado no exame após a partida do dia 30 de maio, contra o Juventude, pela quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

AE, Agencia Estado

20 de agosto de 2009 | 18h19

O jogador foi absolvido por unanimidade com a contribuição da esposa do zagueiro, Eliane, que afirmou ter dado medicamento para dor de cabeça para Ailson. Os exames acusaram a presença de isometepteno, substância proibida de acordo com o Regulamento de Controle de Dopagem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Esta substância é encontrada em um conhecido medicamento analgésico.

Ailson agora está liberado para atuar pelo Brasiliense, e poderá ser a novidade na zaga do time candango, sábado, às 16 horas, em Goiânia, diante do Vila Nova, pela 19ª rodada.

Enquanto isso, o zagueiro Cláudio Luiz, negociado com o Náutico, teve seu julgamento suspenso. Ele também foi pego no doping quando atuava pelo Brasiliense e segue suspenso até ser marcado um novo julgamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.