Alan Walter /Reuters
Alan Walter /Reuters

Jogador do Everton se torna o primeiro a ser punido por simulação no Inglês

Oumar Niasse foi suspenso por dois jogos pela FA, que rejeitou recurso do clube de Liverpool.

Estadão Conteúdo

22 Novembro 2017 | 15h38

O atacante senegalês Oumar Niasse se tornou nesta quarta-feira o primeiro jogador a receber punição retroativa por simulação em campo no Campeonato Inglês. O atleta do Everton foi suspenso por dois jogos pela Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês), que rejeitou recurso do clube de Liverpool.

+ Confira a classificação do Campeonato Inglês

Niasse havia sido denunciado por ter "enganado com sucesso um árbitro do jogo" no empate entre o Everton e o Crystal Palace por 2 a 2, no sábado, em rodada do Inglês. A simulação aconteceu diante do zagueiro Scott Dann, o que gerou marcação de pênalti por parte da arbitragem. No lance, o Everton marcou seu primeiro gol na partida.

O jogador só foi punido nesta quarta graças a uma mudança feita no regulamento do Campeonato Inglês para esta temporada. Pela alteração nas regras, um jogador pode ser punido mesmo após o fim da partida, por ludibriar a arbitragem.

Em dificuldades no campeonato, o Everton soma apenas 12 pontos e ocupa o 16º lugar da tabela, apenas dois postos acima da zona de rebaixamento.

Mais conteúdo sobre:
futebolCampeonato Inglês

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.