Jogador do Linense esfaqueia técnico

O jogador Ademar Silva Neto, 21 anos, tentou matar o técnico do Clube Atlético Linense, Roberto Fernandes, 31 anos, na madrugada desta quarta-feira, por ter sido dispensado do time. A demissão do atleta, por indisciplina e deficiência técnica, havia sido decidida na terça-feira. Ademar invadiu o apartamento de Fernandes, no alojamento do clube, e o esfaqueou na perna esquerda e no antebraço direito. Por causa dos ferimentos, o técnico precisou passar por cirurgia na Santa Casa de Lins, onde permanece internado, mas fora de perigo.O jogador, que era lateral direito do Linense e também morava no alojamento do clube, foi preso às 7h. Ele foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio e está preso na cadeia da cidade. Ademar confessou a autoria das facadas, mas negou a intenção de matar o técnico, dizendo que pretendia apenas "tirar satisfações" com ele. Para o delegado André Hauy, no entanto, o atleta premeditou o crime, pois foi até o apartamento de Fernandes armado e arrombou a porta para entrar e agredir o técnico.O Linense é vice-líder do Campeonato Paulista da série B-1 (quarta divisão).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.