Jogador e técnico do Corinthians reconhecem erros no jogo

O empate contra o Pirambu foi obtido pelos erros do Corinthians. Esta é a análise do técnico Emerson Leão logo após a partida desta quarta-feira, que terminou 1 a 1, pelo jogo de ida deste confronto da primeira fase da Copa do Brasil. Os erros foram de todos, inclusive de quem teve chance de chutar a gol."O goleiro deles [Alan] pegou bola chutada nele. Foi uma boa noite para eles [Pirambu], estão de parabéns, mas fomos nós que jogamos mal. Agora temos que estudar nossos erros e reconhecê-los para acertar no próximo jogo", disse, acreditando que a partida do próximo sábado, contra o Rio Branco, pelo Paulistão será diferente. "No sábado já é outro torneio, temos que saber da nossa capacidade e dos nossos erros. Quando sabemos disso, temos condição de melhorar."Marcelo Mattos contou ainda que empurrou um adversário no lance em que saiu o gol de empate do Corinthians, marcado por Gustavo. "Foi na sorte, se o juiz não vê eu e ele se enroscando, não marca. Tive que segurar porque senão não íamos conseguir fazer o gol. Nem vi de onde a bola saiu, nem quem fez o gol". Pela televisão, ficou claro que o volante corintiano foi atingido primeiro, portanto seria pênalti o lance.Sobre a atuação corintiana no jogo, a análise também se resume à palavra erro. "Erramos muitos gols. Tivemos um primeiro tempo razoável, quando pega um time do Nordeste é difícil. O goleiro deles salvou o time", completou Marcelo Mattos.Do outro lado, reclamaçãoO técnico Edmilson dos Santos, do Pirambu, não deixou de reclamar do lance do gol do Corinthians, onde Marcelo Mattos se enroscou com um adversário. "Contra time pequeno é sempre assim, o árbitro devia ter marcado. Mas esperamos jogar bem em São Paulo para garantir a vaga."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.