Jogador italiano compra brinco de Maradona em leilão

O jogador italiano Fabrizio Miccoli, do Palermo, disse hoje a uma rádio local que foi ele o responsável pela compra, por 25 mil euros (R$ 61.400), do brinco de Diego Maradona leiloado pelas dívidas do técnico da Argentina com a receita.

EFE,

22 de fevereiro de 2010 | 14h26

No leilão, que ocorreu em janeiro, uma mulher efetuou a compra e não quis relevar sua identidade ou se havia sido enviada por alguém.

O atacante do Palermo já tinha mostrado o desejo de comprar o brinco confiscado, já que se diz fã de Maradona, mas ainda não revelou se o devolverá ao ídolo argentino.

Em 18 de setembro, a receita federal confiscou de Maradona os brincos que usava enquanto fazia tratamento para emagrecimento na Itália. A medida se inseria dentro das ações para recuperar o dinheiro que o técnico argentino deve ao Fisco, que chega a 37 milhões de euros (R$ 91 milhões).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.