Florion Goga/EFE
Florion Goga/EFE

Jogadores da Albânia são recebidos como heróis no país após vaga

Seleção se classificou pela primeira vez na história para Eurocopa

Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2015 | 14h22

Os jogadores da seleção da Albânia foram recebidos como heróis nesta segunda-feira na volta ao país, após classificarem a equipe para a Eurocopa de 2016, o primeiro grande torneio que o time vai participar na sua história. Milhares de torcedores se reuniram no Aeroporto de Tirana para recepcioná-los no dia seguinte ao triunfo por 3 a 0 sobre a Armênia, que garantiu o segundo lugar do Grupo I das Eliminatórias da Eurocopa, atrás de Portugal.

O primeiro-ministro Edi Rama recepcionou os jogadores em seu escritório depois de ir ao aeroporto e abraçar os jogadores assim que eles saíram do avião. Já o presidente Bujar Nishani premiou o time com a mais alta condecoração civil do país, a Honra da Ordem Nacional.

"Ontem à noite, um sonho impossível terminou. Ele se tornou realidade", disse Rama aos jogadores. "Como nunca antes, vocês fizeram a Albânia e os albaneses em toda parte sentirem o sonho de irem para as finais da Eurocopa". Rama prometeu dar sequência aos planos de construir um novo estádio nacional, garantindo que a arena terá um placa dourada com os nomes dos jogadores da seleção nacional.

A classificação da Albânia não foi conquistada sem emoção, principalmente após a seleção ser batida em casa pela Sérvia por 2 a 0, na semana passada, em casa, com os gols saindo nos acréscimos. Mas a equipe dirigida pelo treinador Gianni De Biasi superou sua ansiedade para assegurar a classificação com uma vitória confortável em Yerevan, onde marcou o primeiro gol da partida aos nove minutos do primeiro tempo.

À medida que o jogo terminou, celebrações espontâneas irromperam em torno do país de 3 milhões de habitantes, com grande parte da capital Tirana permanecendo envolta com as cores nacionais - vermelho e preto - depois de uma noite de celebrações de rua.

A festa culminou nesta segunda-feira, com a recepção aos jogadores, que participaram de um grande festa na principal praça de Tirana. "Vamos comemorar hoje", disse o capitão da seleção da Albânia, Lorik Cana, aos torcedores. "Em seguida, vamos iniciar os preparativos para a Eurocopa. Nós vamos com a nossa cabeça erguida", completou o jogador do Nantes, da França.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.