Jogadores da Espanha cancelam greve do fim de semana

Depois de chegar a um acordo nesta terça-feira, a Associação de Jogadores de Futebol da Espanha (AFE, na sigla em espanhol) cancelou uma greve marcada para o final de semana. A paralisação poderia interromper os jogos das quatro principais divisões do futebol espanhol, incluindo Espanyol x Barcelona e Real Madrid x Valencia.

AE, Agência Estado

13 de abril de 2010 | 18h14

A greve ocorreria por conta da insatisfação dos jogadores com os atrasos no pagamento de salários - estima-se que cerca de 200 atletas da primeira e da segunda divisão estavam com problemas no pagamento.

Mas segundo informou nesta terça-feira o assessor da AFE, Luis Rubiales, houve avanços consideráveis nas conversações com a Liga Espanhola e com a Real Federação de Futebol Espanhola. Assim, a greve foi cancelada.

Antes da reunião desta terça-feira que culminou no cancelamento da paralisação, as negociações já haviam se intensificado nos últimos dias e davam mostras de que o desfecho seria positivo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato Espanholgreves

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.